VIDA E AMBIENTE

O planeta terra independe da vida que há nele. É a vida que depende do planeta. Achar porém que cuidar do planeta equivale a garantir a sobrevivência das espécies é simplificar demais as coisas. O tempo da relação de amparo integral de um para a outra já passou. Desde que o homem ocupou cada recanto e fez da desigualdade entre os seus o padrão social da espécie, o que nos cabe é antes de tudo repensar as condições e a qualidade de vida humana instaladas. É ilusório achar que o planeta, se bem tratado, dará conta de uma humanidade caoticamente maltratada e que esta saberá cuidar daquele.

O ponto fraco somos nós, tal qual nos fizemos, não o planeta. Se este tem 6 bilhões de anos é provável que tenha outros tantos até se consumir. De todo modo, nenhuma forma de vida terá tantos. Nenhuma pode esperar ter. E menos que as demais terá a humana, em razão dos desequilíbrios de seu organismo social mais do que em razão de debilidades ambientais.

O foco das preocupações com a conservação da vida anda um tanto deslocado. Talvez por ingenuidade de parte do ambientalista, certamente por interesse próprio de parte dos privilegiados, dá-se importância e urgência de menos ao poder catastrófico das desigualdades entre os homens – condição negativa de sustentabilidade por impedir justamente cuidados elementares com o ambiente.

Anúncios

A VIDA NA BALANÇA

Numa terra embutida com sistema de pesagem seletiva dos caminhantes, a massa dos humanos somaria uns 300 milhões de toneladas, aquela combinada de vacas, porcos, ovelhas e frangos daria cerca de 700 milhões de toneladas; e todos juntos, os grandes animais selvagens, elefantes, baleias e hipopótamos inclusos, mal chegariam a 100 milhões de toneladas.

E se também os contasse, informaria que pisam nela 80 mil girafas, 1,5 bilhões de cabeças de gado, 200 mil lobos, 400 milhões de cachorros; e míseros 250 mil chimpanzés ao lado de 7 bilhões de homens.

Pra dizer que o homem tomou conta de vez da vida na terra: do mundo em carne e osso, representado acima, compensado com um mundo de foto-imagens cheio de lobos, chimpanzés e altas girafas.

(Nestore Codenotti – 10.10.16)

OBS – os dados não são meus nem da mãe terra, mas a fonte é honesta (veja Yuval Noah Harari)

image